Deionizador / Deionização / Filtro DI / Resina DI - Tópico Oficial

10 Novembro 2014
511
193
43
caieiras SP
Fac
Alex você tocou em um ponto bem interessante: Morro de medo dessas afirmações...

Foi justamente por isso que resolvi desmontar o meu aquário no ano passado e repensar sobre tudo, só continuo cuidando do aquário dos clientes com manutenção mensal permanente.

Chega certo momento que de tanto ficar escutando as pessoas repetindo as coisas que escutam que acabei perdendo minha referencia e duvidando de coisas que acreditava.

Com isso, acabei mudando para testar e as coisas desandam.

Ex: -Sempre usei reator de cálcio com bons resultados, mas de tanto ouvir afirmações que balling é muito melhor, mais prático e seguro por não ter Co2...mudei e tive muitos problemas.

-Sempre tive substrato em meus aquários e estava feliz com os resultados, mas de tanto ouvir que vira lama, sobe nutrientes e etc... tirei todo o substrato e tive todas as algas do planeta que só acabou quando montei um filtro de algas.

-Sempre usei HQI com ótimos resultados, mas de tanto ouvir falar que LED é o futuro, mais econômico, pode regular cor e principalmente duram trocentas mil horas... tirei as HQIs e coloquei calhas com LEDs e mais uma vez não fui feliz, minha energia caiu só um pouco, tive problemas para acertar as cores, corais queimados, vários LEDs, fontes e cooler queimados, sem contar a falta de peças de reposição e o custo absurdamente alto de uma boa luminária.

Por isso temos que tomar muito cuidado com o que lemos e acreditar um pouco mais no que fazemos.
Faço minhas as suas palavras.
 

Jose Mayo

Moderator
Staff member
Eu apoio o ReefClub!
10 August 2014
2.403
2.952
113
Rio de Janeiro
www.reefclub.com.br
Após fazer uma certa quantidade de água meu DI fica um tempo parado. Cerca de 1 mês. Neste tempo, deixo as carcaças com agua ou é melhor tirar? Tenho um DI com PP + Bloco de carvao+ Resina mista 10'' + resina mista 20''. Obrigado.
Então, Saulo, com "água parada" e nenhum antimicrobiano no sistema, a tendência é que haja proliferação bacteriana e as mídias, mesmo que não se estraguem, acabem entupindo parcialmente ou criando um filme bacteriano incrustado que pode fazer com que não funcionem direito. Há quem faça uma solução de peróxido de hidrogênio (água oxigenada) e preencha as mídias com ela, o que resolve momentaneamente o problema, mas o ideal é que se faça um "flush" de uns poucos litros, se não diário, pelo menos a cada poucos dias, para manter as mídias limpas e sem muitas bactérias.
 
Likes: 6 people

Wander Silva

Well-Known Member
16 Outubro 2014
1.577
3.361
113
Recreio dos Bandeirantes
depois que tirei a resina e no lugar coloquei GFO, no meu sistema não entra mais fosfato e silica e não gasto mais com resina mista, sendo que GFO (phosban) dura muito mais.....
Oi Cristiane, você pode explicar melhor isto, porque cada um tem sua função específica? Retirar a resina mista, significa tirar o polimento (zerar) a água após o RO.
 
Likes: 2 people

Wander Silva

Well-Known Member
16 Outubro 2014
1.577
3.361
113
Recreio dos Bandeirantes
meu filtro tem 4 estágios, polipropileno, carvão, GFO e RO.
Então, é justamente aí que está a minha dúvida!!!
Deveria ser assim: 04 estágios, sendo o primeiro polipropileno, o segundo carvão, o terceiro RO (membrana) e o quarto a resina mista para o polimento.
A resina mista é fundamental para zerar a água que sai do conjunto do RO e o GFO usado no sump separadamente.
Do jeito que você está usando tenho certeza que sua água não está saindo zerada no TDS
 
22 February 2016
920
758
93
41
Caxias do Sul - RS
Então, é justamente aí que está a minha dúvida!!!
Deveria ser assim: 04 estágios, sendo o primeiro polipropileno, o segundo carvão, o terceiro RO (membrana) e o quarto a resina mista para o polimento.
A resina mista é fundamental para zerar a água que sai do conjunto do RO e o GFO usado no sump separadamente.
Do jeito que você está usando tenho certeza que sua água não está saindo zerada no TDS
@Wander Silva , sabe que isto que a @Cristiane Leme, já vi em outros locais, inclusive alguns amigos que usam, na teoria eles abandonam a resina e usam somente o GFO.
A ideia é que a resina não tira fosfato e acaba tirando elementos que são "consumidos" por eles, que fariam bem para os corais, e o GFO tira o fosfato e deixa passar estes elementos "bons"..

no caso o TDS deve ser abandonado, pois dizem que a medida vai ao extremo.

.... não uso assim e não é uma visão minha... mas é uma ideia interessante.. poderíamos testar...
 

Wander Silva

Well-Known Member
16 Outubro 2014
1.577
3.361
113
Recreio dos Bandeirantes
@Wander Silva , sabe que isto que a @Cristiane Leme, já vi em outros locais, inclusive alguns amigos que usam, na teoria eles abandonam a resina e usam somente o GFO.
A ideia é que a resina não tira fosfato e acaba tirando elementos que são "consumidos" por eles, que fariam bem para os corais, e o GFO tira o fosfato e deixa passar estes elementos "bons"..

no caso o TDS deve ser abandonado, pois dizem que a medida vai ao extremo.

.... não uso assim e não é uma visão minha... mas é uma ideia interessante.. poderíamos testar...
Preciso estudar o assunto e testar também. Obrigado
 
Likes: 4 people
22 December 2014
117
129
43
SÃO PAULO - SP
Se levar em conta que o ro dependendo do tds de entrada já será, o gfo depois pode ser interessante.
Apesar que aqui em sp se você testar fosfato na água da torneira já é quase zero no salifert.
Medir tds depois de passar no gfo não tem sentido nenhum, vai ser absurdo porque vai estar saturado de ferro.
 
Likes: 3 people

Membros que estão vendo este Thread (Membros: 0, Convidados: 1)

Top Bottom