Substrato de desmonte, reaproveitar ou não?

Aldebarhan

Active Member
19 February 2018
119
88
28
Guaratinguetá
#1
Boa tarde pessoal, alguns aqui já sabem, estou finalizando o "Mise en place" para trocar de display, (vou postar fotos aqui assim que estiver pronto o "mise en place") tenho atualmente um nano 82 litros com + 40 L de sump e vou migrar pra um display de 264 litros com + 100l de sump.
Pois bem, no nano tenho alguns litros de siporax e carvão ativado no sump, 7kg de rocha natural no display, e 6cm de substrato concha moída granulometria eu diria entre 4 e 5 (não gosto desse substrato mas foi o que eu tinha na época), tem bastante "coisinhas" no substrato do nano, vejo sempre uns copépodes e anfípodes por entre as conchas moídas, vermes de fogo tem um bocado! (nem vou muito com a cara deles, dizem ser bom se controlado a população)
Quando eu migrar o display, não terei mais o nano, por questão de espaço e alguns equipamentos que serão aproveitados no novo display, logo, terei que migrar por completo, a fauna vai entrar no novo display de imediato, fauna essa bem modesta (nunca superpopulei meu naninho :cool:) constituída de 1 casal de ocelares pequenos, 1 grama loretto, 1 stenopus, meia duzia de paguros e snails, 2 anemonas BBT, 1 leather umbrella grande, 1 kenya tree, um carpete médio de GSP, mudas de mush green e palithoa green. Dito tudo isso, minha dúvida/questão é:

Pensando no filtro biológico, posso deixar de "reaproveitar" essa concha moída no novo display? a siporax + carvão ativado+7kg de rocha seriam suficiente pra levar um start bacana pro novo display capaz de manter a mesma fauna? (não vou introduzir nada novo antes de uma nova estabilização) e já tenho uma rocha nova de 20kg pra colocar nele.

Por gosto pessoal pessoal eu prefiro não aproveitar esse substrato, primeiro que o novo será aragonita #2, já nem sei como ficaria qnd eu tentasse colocar os 2 no novo display, tentaria fazer uma cama da concha por baixo e vir com aragonita 2 que é a estética que eu desejo por cima, mas não usando eu eliminaria 2 "problemas", controlaria bem a população de vermes de fogo (não adianta, eles vão ser levados pro novo display através das rochas, tem dentro delas tbm, qnd as luzes diminuem sempre vejo alguns saindo de dentro delas, porém a maior parte está no substrato ctz e controlaria legal), segundo, a questão estética/problema na hora de arrumar esse substrato no display novo tbm seria eliminada.

Enfim o que pensam a respeito e dicas, posso "cagar" pra essa concha moída? que os 7kg de rocha antigo mais siporax do sump vão dar conta dessa fauna e expandir pra rocha e substrato novo?
Aconselham algum blend acelerador biológico por um período nessa mudança? agradeço de antemão a todos que colaborarem, está saindo do papel o projeto.
 

Marcio Vargas

Well-Known Member
3 Novembro 2014
1.446
1.450
113
Veranopolis - RS
#2
Opa,
E ae Luis

Agora sim uma resposta descente!!!

Essa tua migração ai vai ser 80% igual foi a minha. Quando sai do aquario de 300 lts para o de 100lts foi com o trem andando, não tive tempo de ciclar nada.
A diferença fica por conta das rochas que não reaproveitei, como as do aquario de 300 estavam cobertas de algas, eu tive de usar novas. O restante, como skimmer, circulação, siporax, recalque, controle de nivel e temperatura, foi tudo migrado.

O que eu fiz foi primeiro passar 100 litros de agua do velho para o novo, depois circulação, recalque, skimmer, temperatura, peixes e corais.

Cada equipamento na hora de passar de um para outro eu submergia por uns 2 minutos em cloro puro a 10% (comprado em casa de quimicos), enxaguava e colocava no novo.

Por ter sido feito desta forma, no segundo dia eu já tinha muitas algas marrons e alguns corais sentiram, por uns 2 meses fui pilotando ele na ponta dos dedos ate tudo se acalmar.

Sobre tua duvida especifica, eu não usaria:

1 - Ao mexer nele, vais ver a quantidade de sujeira que vai levantar do meio dele, coisa que a gente nem vê. Assim terias de lavar e perde o proposito.
2 - As bactérias mais do fundo, que vivem com pouco oxigênio, se misturariam com as mais de cima, que vivem com oxigênio.

Por fim, quando migrei do primeiro reef para o segudo, que é esse de 300lts que não tenho mais, eu levei o subs, seguindo a dica do Basso de tira-lo em placas para não movimentas as camadas.
Resultado, nunca consegui em um ano equilibrar ele. Pensa na sujeira e dor de cabeça.

Umas fotinhas

Aqui tirando a agua do velho. Repara nas algas


Agua chegando no novo pelo sump, e já recalcando para o display




Aqui já no mesmo dia
 
Likes: Aldebarhan

Aldebarhan

Active Member
19 February 2018
119
88
28
Guaratinguetá
#3
Opa,
E ae Luis

Agora sim uma resposta descente!!!

Essa tua migração ai vai ser 80% igual foi a minha. Quando sai do aquario de 300 lts para o de 100lts foi com o trem andando, não tive tempo de ciclar nada.
A diferença fica por conta das rochas que não reaproveitei, como as do aquario de 300 estavam cobertas de algas, eu tive de usar novas. O restante, como skimmer, circulação, siporax, recalque, controle de nivel e temperatura, foi tudo migrado.

O que eu fiz foi primeiro passar 100 litros de agua do velho para o novo, depois circulação, recalque, skimmer, temperatura, peixes e corais.

Cada equipamento na hora de passar de um para outro eu submergia por uns 2 minutos em cloro puro a 10% (comprado em casa de quimicos), enxaguava e colocava no novo.

Por ter sido feito desta forma, no segundo dia eu já tinha muitas algas marrons e alguns corais sentiram, por uns 2 meses fui pilotando ele na ponta dos dedos ate tudo se acalmar.

Sobre tua duvida especifica, eu não usaria:

1 - Ao mexer nele, vais ver a quantidade de sujeira que vai levantar do meio dele, coisa que a gente nem vê. Assim terias de lavar e perde o proposito.
2 - As bactérias mais do fundo, que vivem com pouco oxigênio, se misturariam com as mais de cima, que vivem com oxigênio.

Por fim, quando migrei do primeiro reef para o segudo, que é esse de 300lts que não tenho mais, eu levei o subs, seguindo a dica do Basso de tira-lo em placas para não movimentas as camadas.
Resultado, nunca consegui em um ano equilibrar ele. Pensa na sujeira e dor de cabeça.

Umas fotinhas

Aqui tirando a agua do velho. Repara nas algas


Agua chegando no novo pelo sump, e já recalcando para o display




Aqui já no mesmo dia

MEU DEUS QUANTA ALGA! kkkkkk. Márcio agradeço muito o feedback e ainda mais com experiência prática!
Colocando tudo na balança é o mais provável que seja realmente esse meu caminho, deixar esse substrato antigo pra lá e partir pro display novo com substrato zero bala apenas. e torcer que a siporax e os 7kg de rocha sejam suficientes pra manter as coisas durante um período de estabilização, nem que seja pra levar tudo "na ponta dos dedos" como você mesmo mencionou. Garrafinha de Prime tá no jeito, rsrsrsrs
 


13 May 2017
92
39
18
Montes Claros - MG
#5
Aproveitando o tópico do amigo.
Devo mudar de aquário, mas pra um com 10 cm mais alto só (100x40x50). Vou aproveitar tudo, mas já retirei algumas rochas (estava lotado de rochas), clorei, vou colar da forma que achar mais bonito (será em 2 ilhas) e colocarei no sump pra pegar biologia. Quero tirar o substrato e lavar, sendo que meu aquario tem uns 5 meses, portanto acho que não deve ter muita carga orgânica e fosfato nele, mas pretendo clorar também. Lavarei, deixarei de molho de um dia para o outro no Seachem Prime e remontarei o outro com o substrato lava e as rochas que colonizarei alguns dias no sump e com metade da água do aquário.
Tenho também uns 5kg de mídia cerâmica quartzite Miracle Baby já em uso no sump desde a montagem.
Acham que assim fica bom?
 

Aleksanderms

Active Member
21 September 2018
161
166
43
40
São Paulo - Santo Andre
#6
Para este aquário novo como você acredita que tem problemas com vermes de fogo, eu não aproveitaria.

Tem vários motivos para não levar, você quer usar as bactérias mais não gosta da aparência, provavelmente as bactérias vão ser as primeiras a sentir e provavelmente você vai perder elas ou tudo vai tender ao desequilíbrio logo de inicio, como pode ser que vai ter fosfato ligado é você vai passar pelo ciclo do nitrogênio de novo, vai dar ciano que vão se ligar a este fosfato....

Eu só usaria este substrato limpando ele, como você vai transferir tudo, é melhor passar para frente ele.
 
Likes: Aldebarhan

Marcio Gielfi

Original | First9
Staff member
V.Presidente
First9
10 August 2014
2.248
4.034
113
São Paulo -SP
#7
Aproveitando o tópico do amigo.
Devo mudar de aquário, mas pra um com 10 cm mais alto só (100x40x50). Vou aproveitar tudo, mas já retirei algumas rochas (estava lotado de rochas), clorei, vou colar da forma que achar mais bonito (será em 2 ilhas) e colocarei no sump pra pegar biologia. Quero tirar o substrato e lavar, sendo que meu aquario tem uns 5 meses, portanto acho que não deve ter muita carga orgânica e fosfato nele, mas pretendo clorar também. Lavarei, deixarei de molho de um dia para o outro no Seachem Prime e remontarei o outro com o substrato lava e as rochas que colonizarei alguns dias no sump e com metade da água do aquário.
Tenho também uns 5kg de mídia cerâmica quartzite Miracle Baby já em uso no sump desde a montagem.
Acham que assim fica bom?

Mas vai ciclar o novo ? Se sim, pode fazer da forma descrita, se o substrato era novo, pode aproveitar, salvo se voce tinha muito fosfato no aquario antigo.
 

Marcio Gielfi

Original | First9
Staff member
V.Presidente
First9
10 August 2014
2.248
4.034
113
São Paulo -SP
#8
Vou passar pelo mesmo processo, tem como evitar o ciclo ? Tenho medo das algas levarem uns corais, nopox resolve?

Para evitar o ciclo vai depender do tamanho do aquario novo x antigo, precisa detalhar mais o que voce quer fazer, tamanho, o que vai reaproveitar etc.
 

Membros que estão vendo este Thread (Membros: 0, Convidados: 1)

Top Bottom