Qual a forma mais segura de dosar Kalk?

3 Novembro 2014
96
45
0
Lauro de Freitas - Bahia
#1
Bom dia amigos,

Estou precisando suplementar o aquário, inicialmente iria usar o ABC da Red Sea, mas ganhei de um amigo um pote de kalk quase cheio.

Dessa forma, gostaria de saber qual a forma mais segura de dosar o Kalk.

Aquario 110l liquidos.
Parâmetros: CA 350
KH 5
MG 1200


Abs.
 

Júnio Melo

Born to dive, forced to work!
10 August 2014
5.576
7.110
113
Belo Horizonte
#3
Por gotejamento a noite.
Concordo!
Gotejamento é a mais segura!
Reator de Nielsen é mais prático, mas corre o risco de mandar tudo pra dentro do aqua de uma só vez em caso de falha da eclusa.
E kalk na água de reposição, além do risco de mandar tudo pro aqua ainda tem muito desperdício devido ao contato com o ar.


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
 


3 Novembro 2014
96
45
0
Lauro de Freitas - Bahia
#4
Boa tarde,

Pensei em fazer um sistema utilizando dois potes, colados na parede do movel um mais auto e outro mais baixo. O segundo com a solução de kalk sem sem contato com ar, e o primeiro mais alto para por a agua de RO. Pensei no seguinte: colocar as mangueira que saem da soluçao, por cima da tampa, de modo que utilizando a teoria dos vasos comunicantes, todo os dias eu coloque uma quantidade de agua de RO a noite e a mesma quantidade seja despejada de solução no aquario, sem correr risco de despejar mais solução do que no aquário do que o programado.

Oq acham? Dessa forma ficaria seguro?

Abs.
 
10 August 2014
3.884
3.537
0
Caxias do Sul - RS
#5
Você pode usar um reator de Nielsen com a kalkwasser sendo dosado com uma bomba peristáltica.

Essa é, ao meu ver, "a forma mais segura".

A mais simples é com aqueles esquemas com garrafas pet. Mas dá um trabalho do cão.
 
3 Novembro 2014
96
45
0
Lauro de Freitas - Bahia
#6
Você pode usar um reator de Nielsen com a kalkwasser sendo dosado com uma bomba peristáltica.

Essa é, ao meu ver, "a forma mais segura".

A mais simples é com aqueles esquemas com garrafas pet. Mas dá um trabalho do cão.
Prezadp Ledo,

Se ao invés de peristaltica eu utilizasse uma bomba de ar ligada a um timer, empurrando a água de RO para para o recipiente com kalk, forçando a solução a ser gotejada no sump?

Abs.
 
10 August 2014
3.884
3.537
0
Caxias do Sul - RS
#7
Deve funcionar. Já vi um vídeo com uma construção dessas.
O cuidado é fazer um esquema que, se der algum vazamento, a solução caia em qualquer lugar, exceto dentro d'água.
(Y)


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Júnio Melo

Born to dive, forced to work!
10 August 2014
5.576
7.110
113
Belo Horizonte
#8
Já vi algumas pessoas perderem aquários inteiros por encherem o reator de nielsen de kalk e a eclusa travar ligada.
Eu só usaria um reator de nielsen se pudesse controlá-lo através de um controlador de pH.
 
10 August 2014
3.884
3.537
0
Caxias do Sul - RS
#9
Já vi algumas pessoas perderem aquários inteiros por encherem o reator de nielsen de kalk e a eclusa travar ligada.
Eu só usaria um reator de nielsen se pudesse controlá-lo através de um controlador de pH.
Júnio, me perdi um pouco...

Você está falando da possibilidade de ligar o reator de Nielsen à reposição, é isso?

Eu não faria uma coisa dessas. É muita água, ou seja, é muito kalk!
 

Júnio Melo

Born to dive, forced to work!
10 August 2014
5.576
7.110
113
Belo Horizonte
#10
Júnio, me perdi um pouco...

Você está falando da possibilidade de ligar o reator de Nielsen à reposição, é isso?

Eu não faria uma coisa dessas. É muita água, ou seja, é muito kalk!
Exato!
É o que vejo muita gente fazendo. Liga a bomba de reposição de água doce no Nielsen. Ou coloca o pó dentro do reservatório de água doce. Pra toda vez que o nível de água baixar jogar um pouco de kalk no sistema. Algo muito perigoso!
 
10 August 2014
3.884
3.537
0
Caxias do Sul - RS
#11
Entendi. Concordo.
Além disso, o ideal é o recipiente contendo o hidróxido de cálcio não ter contato com o ar, para evitar exposição ao CO2, o que não vai acontecer na caixa de reposição, a não ser que se use uma tampa de isopor para minimizar a troca gasosa.
O correto é mesmo gotejamento por gravidade ou dosagem por uma bomba peristáltica ou de membrana.
 

Júnio Melo

Born to dive, forced to work!
10 August 2014
5.576
7.110
113
Belo Horizonte
#13
Não faria isso em hipótese alguma. Minha idéia é fazer um recipiente com água de RO à parte conectado a um segundo recipiente com o kalk.

Abs.
A forma mais simples é diluir uma pequena quantidade de kalk em água RO/DI e deixar gotejando.
Em meu primeiro aquário marinho (lá vai tempo!) eu diluía uma colher de sopa de kalk em 2L de água DI, misturava e deixava decantar. Daí deixava a solução gotejando à noite.

Quanto ao reator de nielsen, a two little fishes até tem um para venda:


Mas a forma segura de uso seria com um controlador de pH. De tal forma que, se o pH subir muito no aquário, o controlador corta a bomba que alimenta o reator.
 
3 Novembro 2014
96
45
0
Lauro de Freitas - Bahia
#14
Boa noite amigos,



Inicialmente, tinha pensando em fazer algo assim. O reservatorio de agua de ro despejaria a água no kalk até chegar no nível do traço pontilhado, pela teoria doa vasos comunicantes. Então eu precisaria colocar todos os dias no reservatorio de RO a quantidade de agua igual a quantidade de kalk que quero por no aquário. Por exemplo, se eu colocar 20ml acima da linha pontilhada no reservatorio de RO o sistema liberará os mesmos 20 ml de kalk para o sistema, ou estou enganado?

Abs.
 

Júnio Melo

Born to dive, forced to work!
10 August 2014
5.576
7.110
113
Belo Horizonte
#15
Apenas tome o cuidado para não ficar o ar em contato com a solução de kalk.
O CO2 do ar ao entrar em contato com a água forma ácido carbônico, e este em contato com o kalk forma carbonato de cálcio, que é insolúvel. Fica uma borra branca precipitada no fundo do pote. Por ser insolúvel, ele não se presta a elevar a reserva alcalina e cálcio do aquário.
Por isto preferia fazer a solução diariamente. Basta misturar
 

Membros que estão vendo este Thread (Membros: 0, Convidados: 1)

Top Bottom